Dicas para cuidar com eficiência das roupas dos bebês


A mesma atenção dedicada a roupas finas deve ser dada às peças de bebê, das roupinhas aos itens de decoração

Roupas de bebê precisam de cuidados especiais na hora de lavar e conservar. Por serem mais atingidas por sujidades de diversos tipos e necessitarem de lavagens freqüentes, merecem atenção redobrada.

O Gerente Operacional Ricardo Monteiro, da Quality Lavanderia – com mais de 100 lavanderias pelo Brasil –, conta que a empresa atende com eficácia as famílias que deixam as roupas aos seus cuidados. “Costumamos receber enxovais inteiros para serem lavados e passados antes de o bebê nascer, além de termos os pequenos como ‘clientes fiéis’, que sempre utilizam nossos serviços por intermédio de suas mães”, comenta.

Monteiro faz recomendações importantes para as mamães que querem manter a roupa de seus filhos sempre em ordem:
- Sejam as roupinhas do bebê brancas ou coloridas, elas precisam ser lavadas sempre com detergente específico para roupas delicadas. Dissolva bem o produto em água antes de colocá-los em contato com as peças.

- O enxágüe deve ser feito com bastante água para que sejam retirados todos os resíduos e excesso de detergente que podem estragar as peças e provocar leves coceiras e vermelhidão nos bebês.

- Não tente remover manchas com alvejantes que tenham cloro ou água sanitária. Estes produtos podem trazer mais manchas e desgastar as fibras dos tecidos, além de poderem provocar alergias no bebê.

- Prefira alvejantes à base de peróxido, que podem ser usados até em tecidos coloridos, desde que diluídos em água quente a 60ºC. Após o tecido já ter sido lavado com água fria, deixe a peça de molho numa mistura de água quente, detergente neutro e alvejante a base de peróxido por cerca de 15 minutos. Enxágüe bem e não esqueça do amaciante no final do processo.

Os amaciantes podem e devem ser utilizados em todos os tecidos, por terem múltiplas funções: desembaraçar e realinhar as fibras do tecido, deixando-o mais macio e com tato sedoso; remover mais rapidamente a água de dentro da fibra; facilitar o passamento e criar uma película protetora nas fibras, dificultando a entrada de sujidades. A quantidade do produto indicada no rótulo também deve ser respeitada. Já o aroma é só um diferencial de cada marca.
- Na hora de guardar as roupinhas de bebê por muito tempo, envolva-as bem limpas e secas em sacos de TNT para protegê-las do pó e dos raios de luz. Sacos plásticos devem ser evitados por não permitirem que a roupa “respire”, o que resulta em manchas e mofo;

 - É comum passar perfumes nas roupinhas do bebê, mas desaconselhável: as substâncias presentes nestes produtos costumam manchar e até prejudicar os tecidos;

 - A camurça tem aparecido com frequência nas peças infantis. Cuidar dela não é fácil, ainda mais que os bebês costumam sujar bastante suas roupinhas. Não tente lavar peças de camurça ou com detalhes em couro em casa, porque elas perderão a durabilidade e a beleza. O ideal é apostar na limpeza especializada das lavanderias, que permitem o manuseio correto da peça.

 - Atenção também aos itens que estão em contato com o bebê, como travesseiros, almofadas, cobertores, edredons, lençóis, cortinas e tapetes: todas elas podem acumular sujeira, poeira e ácaro, sendo grandes causadoras de alergias. O ideal é lavá-las com frequência, mesmo que, aparentemente, elas não pareçam sujas.

 - Os bichinhos de pelúcia também podem ser lavados na Quality Lavanderia, que destina a eles um serviço especial, que não os danifica e faz com que sequem completamente, evitando o mofo e o odor desagradável característico das peças que não secaram direito.
 

Cadeirinhas para o carro e busters: quanto mais limpinhos, melhor

Cadeirinhas para carro e carrinhos de bebê são itens indispensáveis em toda família que tem crianças pequena. Por serem muito usadas, essas peças quase sempre ficam sujas por conta de restos de comida ou mesmo a sujeira que se acumula no dia a dia.

A limpeza deles é essencial, não só para a conservação do produto, mas, principalmente, para garantir a saúde das crianças. “Se você deixar restos de comida ou outro tipo de sujeira na cadeirinha, pode estimular a proliferação de fungos e bactérias, um perigo potencial para a saúde. É muito fácil a criança passar a mão no local e levá-la à boca”, explica Ricardo Monteiro.

O ideal é que não se deixe passar muito tempo antes da limpeza, pois manchas podem impregnar no tecido e fica mais difícil a remoção - podendo até comprometer o tecido definitivamente. “É importante que se lave o carrinho ou cadeirinha pelo menos a cada seis meses. No caso de vômito, é melhor lavar imediatamente”, recomenda.

Muitas mães acabam lavando o carrinho em casa, o que pode ser feito com sabão neutro - o mesmo usado para roupas delicadas. Porém, em uma lavanderia especializada, a diferença principal é o uso do produto específico, que possui ação bactericida, e a secagem adequada, que evita mofo. “Na Quality, a cadeirinha (de carro ou bebê conforto) ou o carrinho são totalmente desmontados e todas as partes são lavadas individualmente com água e um detergente especial, propiciando uma limpeza mais eficaz, livrando-os de germes. Isso garante não só a conservação, mas a segurança de que a criança não correrá nenhum risco de saúde”, completa Monteiro.

O serviço é oferecido em toda a rede Quality e normalmente leva de cinco dias a uma semana para ser concluído. O preço também varia conforme o tamanho do produto, mas fica entre R$ 50,00 e R$ 70,00 a higienização de carrinho e entre R$ 30,00 e R$ 50,00 a cadeirinha para carro.



Sobre a Quality Lavanderia

A Quality Lavanderia possui quase 100 lojas que oferecem limpeza de roupas a seco e a água, tratamento de couro e serviços diferenciados de limpeza em tênis, calçados, tapetes, cortinas, roupa de cama e tecidos especiais. Fazem parte do grupo as marcas Prima Clean Express (lavanderia) e Linha & Bainha (costura expressa, customização de roupas e bordado).

Nenhum comentário:

Postar um comentário