Tem problema dar bronca no bebê para ensinar o certo e o errado?




Neste momento, seu trabalho "educativo" consiste em manter seu bebê seguro, acolhido e estimulado, já que disciplina de verdade -- daquele tipo que ensina lições e muda comportamentos -- só poderá ser aplicada mais no futuro. A realidade é que um bebê que engatinha pode até já ser grandinho para aprontar, mas não é de jeito nenhum maduro para diferenciar o certo do errado.

Isso não quer dizer que você não possa começar desde já a orientá-lo, praticando aquelas técnicas que farão parte da vida de vocês dois por anos a fio. Quando ele puxar o fio do aparelho de TV ou tentar lamber seu sapato, olhe firme para ele e diga "Não faça isso", redirecionando-o rapidamente para outra atividade, mais segura. Como a atenção das crianças desta idade é muito curta, logo logo ele vai esquecer o que estava fazendo antes.

Não importa o que o bebê fizer, bater nele ou gritar nunca serão respostas apropriadas. Esse tipo de disciplina só servirá para assustá-lo e pode até machucá-lo de verdade. Chacoalhar um bebê pode causar danos cerebrais permanentes e até a morte. Se o nervoso que você passar for além da conta, coloque a criança em um lugar seguro, como o berço, por exemplo, e se permita dar um tempo longe dela para acalmar.

Para evitar esse tipo de problema, o melhor mesmo é que sua casa seja um ambiente seguro para crianças. (Leia mais em nossos artigos sobre segurança na cozinha e como deixar a casa segura para crianças que engatinham.) Se você não quer que seu filho mexa naquilo, tire do alcance dele.

Verifique também se as tomadas estão cobertas com protetores, tire objetos perigosos do meio do caminho, veja se móveis pesados não podem cair se forem puxados e se a fiação elétrica está devidamente protegida. Assim você economiza muitos "nãos" e, em vez de só ficar dando broncas, vai poder desfrutar mais da companhia do seu filho e se maravilhar com a fascinação dele pelo mundo ao redor.



Fonte: BabyCenter Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário